Bohumil Hrabal – Comboios rigorosamente vigiados


Anteontem um caça inimigo abateu um caça alemão por cima da nossa pequena cidade, amputando-lhe uma asa. A carlinga pegou fogo e caiu no campo, mas a asa, soltando-se da carlinga, arrancou mãos-cheias de parafusos e cavilhas que caíram sobre a praça, ferindo à passagem as cabeças de muitas mulheres. Mas a asa planava sobre a nossa pequena cidade, todos os que podiam ficaram a ver, até que a asa desceu num movimento discordante mesmo em cima da praça para onde se precipitaram os clientes das duas cervejarias e a sombra da asa deslizava pela praça que as pessoas atravessavam a correr para logo voltarem a atravessar no sentido contrário, por causa da asa que ia e vinha como um gigantesco pêndulo arrastando os habitantes para o lado oposto ao seu provável ponto de queda e fazendo ouvir um ruído cada vez mais forte e um som melodioso. Depois, ganhou velocidade e caiu no jardim do senhor reitor. Passados cinco minutos, os habitantes arrancavam e levavam placas e pedaços de chapa que reapareceram no dia seguinte cobrindo galinheiros e coelheiras, e logo nessa tarde um habitante cortou essa chapa roubada da qual fez, nessa mesma noite, magníficos para-lamas para motocicletas. Foi assim que a asa desapareceu e que desapareceram também todos os pedaços de chapa e todas as peças da carlinga desse avião do Reich caído nos campos cobertos de neve atrás da nossa pequena cidade. Eu ia até lá de bicicleta para ver, meia hora depois de o avião cair, e já encontrava pessoas que carregavam o seu furto numa carroça.

Bohumil Hrabal, Comboios Rigorosamente Vigiados (1965)
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Ver mais
 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: