A extinção da literatura séria


“Ora, que futuro pode ter a forma de indagação e de expressão a que chamamos literatura num espaço comunicacional tomado por exércitos de entertainers empenhados em difundir a surdez, a poluição lexical e a desinteligência? Que a literatura teria um papel central em tão necessária despoluição da língua, parece ser inquestionável. Mas é mais do que evidente que a presente invisibilidade do escritor torna esse desígnio tão irrealista como o de purificar um Atlântico de fezes com dois cálices de cloro. Neste contexto, é inevitável perguntar: estará a literatura séria condenada à extinção por falta de leitores, perdida na torrente de trivialidade que inunda e monopoliza o espaço da atenção pública?”

José Miguel Silva, Divagações sobre o futuro da literatura numa era de ignorância programada e pré-apocalíptica, in CÃO CELESTE, Abril 2012
 

2 Respostas to “A extinção da literatura séria”

  1. O que é uma literatura séria? É como “no antigamente” em que existiam mulheres sérias e putas? E se assim é não convivem todas no bordel da fnac?

  2. Pedro Miguel Gon Says:

    Creio que o autor deste texto não estava a tentar forjar e delimitar um conceito. Estava apenas a jogar com uma noção que todos nós, leitores interessados, temos. Sirva-se das suas experiências de leitura.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: