Vladimir Nabokov: Tipos de Escritor


«Há três pontos de vista segundo os quais um escritor pode ser considerado: pode ser considerado um contador de histórias, um professor e um encantador. Um grande escritor combina os três – contador de histórias, professor, encantador –, mas é o encantador que há nele que predomina e o torna um grande escritor.

Viramo-nos para o contador de histórias em busca de entretenimento, de excitação mental do tipo mais simples, de participação emocional, do prazer de viajar para uma região remota do tempo e do espaço. Uma mente um pouco diferente mas não necessariamente mais elevada procura o professor que há no escritor. Propagandista, moralista, profeta – é esta a sequência ascendente. Podemos virar-nos para o professor não só em busca de educação moral mas também de conhecimento directo, de simples factos. (…) Por fim, e acima de tudo, um grande escritor é sempre um grande encantador, e é aqui que chegamos à parte realmente excitante, quando tentamos capturar a magia individual do seu génio e estudar o estilo, a imagética, a estrutura dos seus romances ou poemas.»

 

Vladimir Nabokov, Aulas de Literatura, Bons Leitores e Bons Escritores

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: